Dominio: noticiasnumclick.xpg.uol.com.br
Chave: fd9efdd43a0d14fa4ca94d1e582af7e6c756d4c6
Hora do cache: 1495905440
Vida do cache: 1495948640
Status: 1
Mensagem: Centive nao respondeu
Chave do Pedido: 42b23b94289236aae38857f52e610749ad95f407
Chave do Produto: PROKEY
Scroll Top

Educação

1º Governo de Getúlio Vargas (1930 à 1945), Resumo – Início da Industrialização, Medidas Econômicas

1º Governo de Getúlio Vargas (1930 à 1945) – Era Vargas, Resumo – Início da Industrialização, Medidas Econômicas

Principais Acontecimentos na Era Vergas – 1º Governo

getúlio vargasGetúlio Vargas (1882-1954) começou seu mandato após a Revolução de 1930 contra Washington Luís e permaneceu por 15 anos no poder sem interrupções.

De 1930 à 1934 ele ocupou o cargo de chefe do governo provisório e a partir de 1935 Vargas assumiu o cargo de Presidente da República de forma indireta.

Em 1936 foi fundada a Rádio Nacional no Rio de Janeiro. Depois houve a implantação do cinema e criação de museus nacionais.

Em 1937 Vargas institui o Estado Novo marcada pela ditadura e centralização do poder.

getúlio vargas 1Em 1939 Descobriu-se na Bahia a primeira jazida de petróleo e a partir de então o governo passa a controlar a produção de petróleo e cria organismos para ampliar a produção de novos produtos agrícolas para exportação. Apesar deste desenvolvimento, o desemprego assolava parte da população brasileira e mundial devido à crise de 1929, por isso era comum as manisfestações organizadas contra o empobrecimento do povo.

 

Investimentos na Industrialização

Na Era Vargas, houve grandes investimentos do governo, provindos da economia cafeeira para acelerar a industrialização. As medidas tomadas por Getúlio Vargas para efetivar a industrialização no Brasil foram:

– Substituição das importações pela produção nacional (estímulo para o desenvolvimento da economia interna);

– Criação das indústrias de base. Na Era Vargas criou-se indústrias que transformam a matéria-prima como a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) e a Vale do Rio Doce, indústria que fornece energia – Eletrobras, empresa produtora de combustível – Petrobrás, Fábrica Nacional de Motores e a criação do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para conduzir e financiar a industrialição interna;

– Aumentar o protecionismo foi outra medida para incentivar as indústrias brasileiras e erradicar as dependências do mercado externo;

Com estas iniciativas, a industrialização no Brasil foi efetivada e estimulada a alcançar grandes patamares.

Getúlio Vargas utilizou como estratégia para se manter no poder o populismo e nacionalismo. Beneficiar a classe trabalhadora lhe renderia um período maior de permanência no poder, por isso Vargas é conhecido como pai dos pobres. Ele instituiu as leis trabalhistas, salário mínimo e outros benefícios ao trabalhador a fim de consquistar o povo e fortalecer a economia interna para que os mesmos consumam o que foi produzido internamente.

No período de 1939-1945, o Brasil passa exportar grandes quantidades de produtos industrializados aos países da Europa, pois os mesmos estavam com as indústrias devastadas após o fim da guerra e precisaram importar produtos para o seu sustento.

Em 1942 o Brasil participa da Segunda Guerra Mundial e como consequência, o poder de Vargas perde força. Pressionado por militares, Vargas renuncia o cargo.

Deixe seu comentário.

Comente Via FaceBook

Comentários

Seja o primeiro a comentar!

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.