Educação

Adam Smith: Biografia, Liberalismo, Teorias Econômicas

Adam Smith: Biografia, Liberalismo, Teorias Econômicas

Adam Smith Biografia, Liberalismo, Teorias EconômicasAdam Smith foi um economista e filósofo ortodoxo liberal nascido na Escócia em 1973. Adam foi fruto do casamento do seu pai, que era um fiscal de alfândega, com sua segunda mulher. Smith também foi um professor na Universidade de Glasgow, onde se concentrou o iluminismo escocês. Ele é considerado como o pai da economia de mercado e contribuiu muito para a formação dos conceitos de livre mercado.

Em 1759, Smith publicou o seu primeiro livro: "A Teoria do Sentimentos Morais", que aborda a questão dos desejos humanos e seus interesses em primeiro lugar (egoísmo).

Após sua viagem á Paris, seus pensamentos foram afetados pelas ideias iluministas de liberdade defendidas por Voltaire, que o influenciaram a desenvolver suas concepções do liberalismo. E que mais para frente, influenciou a revolução francesa e a independência dos Estados Unidos.

Mais tarde em 1776, Adam Smith, lançou mais uma obra cujo nome é "Uma Investigação sobre a Natureza e as Causas da Riqueza das Nações", que foi baseado em sua visão de mercado combinada com as conversas com seus amigos mercantes que o informavam sobre o que estava acontecendo no mercado. Em "A Riqueza das Nações", o autor ressalta a ideia do liberalismo econômico que consiste da não intervenção do Estado na economia, em outras palavras, o Estado deve garantir que as exportações e importações sejam realizadas sem interferências que poderiam atrapalhar a entrada e saída de mercadorias no país. E ainda, o Estado não deve ajudar através de incentivos pois isso atrapalharia o fluxo econômico. O economista demonstrou de forma explícita sua opinião que era a favor dos industriais e ainda criou a estrutura do capitalismo ligado aos fatores de produção e a economia.

Dentre as principais teorias de Smith, existe a mão invisível, esta, segundo o autor, encaminha o homem a realizar coisas que antes não foram planejadas. Para exemplificar, podemos citar um industrial que investe seu capital para obter retorno, pensando em si apenas, mas se a indústria cresce, mais empregos são gerados, mais produtos são vendidos e como consequência várias pessoas são beneficiadas nesse processo.

Outra contribuição do autor para a economia foi a teoria de valor que consiste na ideia de que o produto passa a ter valor quando feito pelo trabalho humano. Essa teoria tem ligação com o lucro, quanto mais se trabalha por determinado produto, mais valorizado será (valor agregado).

Outra teoria importante criada por Adam Smith, é a teoria do bem-estar que está atrelada ao bem estar social, fazendo referência à satisfação das necessidades dos indivíduos e ao bem estar econômico (equilíbrio) que é a riqueza para suprir nossos desejos além das nossas necessidades, através do liberalismo.

A Teoria da Vantagens Absolutas é um pensamento que visa estratégias comerciais no âmbito internacional. Segundo Smith, um país deve se especializar naquilo que é mais barato, aquilo que a nação tem em abundância deve produzir em grande escala com ótimas condições, sem custo maior que a receita (obter lucro). Depois, cada país troca seus produtos por outros internacionais. Cada país tem um potencial para cada produto, então cada um vai vender o que sabe fazer melhor e comprar o que os outros fazem melhor a um preço menor. Dentro deste conceito, o autor ressalta também a definição de concorrência perfeita que está ligada ao preço, quem faz mais barato, mais venderá no mercado.

Em 17 de Julho de 1790 o economista liberal faleceu. Seu corpo foi enterrado em Canongate. 

Deixe seu comentário sobre Adam Smith.

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.