Notícias

Cinegrafista Húngara Perde Emprego por Agredir Refugiados da Síria

Cinegrafista Húngara Perde Emprego por Agredir Refugiados da Síria

Cinegrafista Húngara Perde Emprego por Agredir Refugiados da Síria

Imagem: Reprodução/Youtube

Dentre os momentos mais marcantes e comentados pelos internautas do mundo todo, em relação a crise da Síria, está o caso da cinegrafista que agrediu alguns sírios que estavam atravessando a fronteira entre Hungria e Sérvia.

A cinegrafista húngara Petra Laszlo do canal N1T, foi demitida nesta quarta (9) após chocar o mundo com a filmagem que registra os momentos de ataque da húngara contra os refugiados. No vídeo, ela é filmada dando uma "rasteira" em um sírio fugitivo que estava fugindo da polícia húngara com uma criança no colo. O fato causou grande reboliço nas redes sociais, mas a atitude agressiva da repórter não parou por aí, até porque esta não foi a única vítima de Petra, foram registrados outros casos de agressão de autoria da mesma cinegrafista, na filmagem divulgada na internet, é possível observar que ela chuta as pernas de uma garota fugitiva também.

Confira o vídeo que mostra os momentos da agressão da repórter húngara:

Deixe seu comentário. 

Assuntos do Artigo:
  • refugiados da Síria

Comente Via FaceBook

Comentários

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.